titulo

SustentHabilidade

Opinião e realizações

domingo, 27 de fevereiro de 2011

Consumo de energia do Brasil crescerá 4,8% ao ano até 2020

Deu no Jornal da Energia: Projeção, feita pela EPE, leva em conta expansão de 5% ao ano na economia brasileira


A Empresa de Pesquisa Energética (EPE) prevê que o consumo de energia do País crescerá 274 mil GWh ao longo dos próximos dez anos. No total, a demanda por energia elétrica passará de 456,5 mil para 730,1 mil GWh, em um ritmo médio de 3,8% ao ano. A projeção é parte de relatório técnico do órgão, divulgado nesta terça-feira (22/2).
O crescimento na carga durante o período será equivalente à atual demanda por eletricidade no México e próximo do atual consumo da Espanha. Segundo a EPE, o estudo levou em conta um crescimento da economia brasileira de 5% ao ano para nortear os cálculos.
De acordo com as expectativas da EPE, o consumo médio por consumidor residencial passará de 154 kWh/mês, em 2010, para 191 kWh/mês em 2020. O máximo histórico, porém, de 180 kWh/mês, observado antes do racionamento de 2001, somente será ultrapassado por volta de 2017.
O estudo prevê também que as indústrias autoprodutoras, que utilizam resíduos do processo produtivo como combustível, contribuirão em uma importante parcela desse crescimento. Com uma alta de cerca de 6,6% ao ano, esses players poderão gerar 71 mil GWh em 2020 - o que, segundo a EPE, equivalerá a 10% do consumo total de eletricidade no ano.
Eficiência energética
Com o investimento das empresas em eficiência, a EPE espera uma redução do consumo de energia na ordem de 33,9 mil GWh em 2020. Esse montante conservado equivale à geração de 4,5 mil MWmédios, aproximadamente a energia média a ser gerada pela hidrelétrica de Belo Monte. A quantia poupada seria superior ao atual consumo de eletricidade do Peru e próxima ao consumo da Dinamarca.

Nenhum comentário:

.