titulo

SustentHabilidade

Opinião e realizações

quinta-feira, 18 de junho de 2009

Íntegra do discurso do secretário de Energia na abertura do Fórum Eólico

"EXMA SRA GOVERNADORA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE,
WILMA MARIA DE FARIA

EXMO SR MINISTRO DE ESTADO DO MEIO AMBIENTE,
CARLOS MINC

EXMO SR PRESIDENTE DO FORUM NACIONAL DE SECRETÁRIOS DE ESTADO DE ENERGIA

DEMAIS ILUSTRES COMPONENTES DA MESA E DE SUA EXTENSÃO

DEMAIS AUTORIDADES, INVESTIDORES, ESPECIALISTAS, CONVIDADOS E AMIGOS DO SETOR EÓLICO.

HOJE É UM DIA DE GRANDE ALEGRIA PARA TODOS NÓS.

UM DIA AUSPICIOSO, PARA USAR UMA EXPRESSÃO DE HORÁRIO NOBRE.

EM PRIMEIRO LUGAR, PORQUE HOJE NATAL, E O RIO GDE DO NORTE SE CONVERTEM POR 3 DIAS NA CAPITAL NACIONAL DOS VENTOS, HOSPEDANDO E SERVINDO DE CENÁRIO APROPRIADÍSSIMO PARA REUNIR OS PRINCIPAIS ATORES DE UM SETOR QUE REPRESENTA A FONTE ENERGÉTICA QUE MAIS CRESCE EM TODO O MUNDO.

TEREMOS HOJE E AMANHÃ, SRA GOV E SR MINISTRO, A PRESENÇA AQUI DAS MAIS ATUANTES AUTORIDADES FEDERAIS E ESTADUAIS DO SETOR EÓLICO NO BRASIL, DOS MAIORES INVESTIDORES EM OPERAÇÃO, NACIONAIS E ESTRANGEIROS, E DE PARTICIPANTES E ESPECIALISTAS DE PAÍSES COMO AUSTRÁLIA, ESTADOS UNIDOS, CANADÁ, DINAMARCA, ESPANHA, PORTUGAL, ITÁLIA, HOLANDA, JAPÃO E CORÉIA DO SUL - TODOS ATRAÍDOS PELO POTENCIAL EÓLICO BRASILEIRO E PELAS PROMISSORAS OPORTUNIDADES DE INVESTIMENTO QUE DELE DECORREM.

MUITOS DESTES VISITANTES, RECORDO, VÊM A NATAL PARA O FORUM NACIONAL EÓLICO – PORTANTO, DISCUTIR ASPECTOS NÃO SÓ GERAIS DO SETOR MAS ESPECÍFICOS DO BRASIL (COMO O MARCO REGULATÓRIO, AS QUESTÕES AMBIENTAIS, E A POLÍTICA SETORIAL NACIONAL COMO UM TODO). VÊM A NATAL A CONVITE DA PRÓPRIA GOVERNADORA OU DE SEUS REPRESENTANTES, EM MISSÕES E CONTATOS INTERNACIONAIS QUE FORAM REALIZADOS AO LONGO DOS ÚLTIMOS 6 ANOS DESTA ADMINISTRAÇÃO ESTADUAL. EU QUERO APROVEITAR ENTÃO PARA DESEJAR BOAS VINDAS AOS NOSSOS VISITANTES E “POTIGUARES-ESTRANGEIROS” QUE JÁ ADOTARAM O RN COMO SUA PRIMEIRA OU SEGUNDA CASA E LOCAL DE NEGÓCIOS, AGRADECENDO E ESPERANDO RETRIBUIR A HOSPITALIDADE COM QUE NOS RECEBERAM EM SEUS PAÍSES DURANTE NOSSOS CONTATOS INICIAIS.

SRA. GOV, SR. MINISTRO, A SEGUNDA RAZÃO PELA QUAL ESTAMOS MUITO FELIZES NO DIA DE HOJE É PORQUE CONSEGUIMOS REALIZAR, AQUI EM NATAL, A PRIMEIRA GRANDE REUNIÃO DE CARÁTER EMINENTEMENTE POLÍTICO ESPECIFICAMENTE DIRECIONADA A DEBATER O SETOR EÓLICO NACIONAL, SUAS METAS, SEUS DESAFIOS, SEU ESTADO ATUAL E PRINCIPALMENTE O SEU FUTURO.

INÚMERAS SÃO AS REUNIOES E SEMINARIOS TÉCNICOS REALIZADOS NO PAÍS HOJE A RESPEITO DE ENERGIA EÓLICA: TODAS DE GRANDE RELEVÂNCIA E FAZENDO PARTE DA NOSSA “CURVA DE APRENDIZADO” GERAL SOBRE ESTA FONTE RENOVÁVEL.

MAS FALTAVA - E O SETOR CLAMAVA ARDOROSAMENTE POR ISSO - UMA REUNIÃO DE BUSCA DE CONSENSOS EM TORNO DE VONTADES POLÍTICAS QUE RESULTEM DE UMA DISCUSSÃO CERTAMENTE TÉCNICA, ECONÔMICO-FINANCEIRA, JURÍDICO-REGULATÓRIA, INSTITUCIONAL E TUDO MAIS, MAS PRINCIPALMENTE DE CARÁTER ESTRATÉGICO-SETORIAL – E PORTANTO, GOVERNAMENTAL E POLÍTICO.

O FÓRUM NACIONAL DE SECRETÁRIOS ESTADUAIS DE ENERGIA ABRAÇOU CORAJOSAMENTE ESTE DESAFIO E DEU O PASSO INICIAL QUE NÓS, PELO GOVERNO DO ESTADO DO RN – SOB A SUA LIDERANÇA E ORIENTAÇÃO, GOVERNADORA, TOMAMOS COMO MISSÃO PRIORITÁRIA E LEVAMOS ADIANTE PARA, EM COLABORAÇÃO INESTIMÁVEL COM AS EMPRESAS PATROCINADORAS E ENTIDADES SETORIAIS AQUI REPRESENTADAS, REALIZAR ESTA IMPORTANTÍSSIMA REUNIÃO DE ALTO NIVEL E MOSTRAR QUE OS GOVERNOS FEDERAL E ESTADUAIS ESTÃO SIM ENVOLVIDOS E PREOCUPADOS EM INCENTIVAR O DESENVOLVIMENTO DA INDUSTRIA EÓLICA NACIONAL.

NOSSOS VENTOS SÃO BONS VENTOS, SIM. MAS INFELIZMENTE, AO CONTRÁRIO DO QUE PARECE À PRIMEIRA VISTA, NÃO É SÓ DE BONS VENTOS QUE VIVE O SETOR EÓLICO NO MUNDO. ELE PRECISA SER ACALENTADO NOS BRAÇOS POLÍTICOS DOS INCENTIVOS GOVERNAMENTAIS, PARA GANHAR VIABILIDADE INAUGURAL E PODER GANHAR INDEPENDENCIA E SUSTENTABILIDADE DE LONGO PRAZO. ELE PRECISA SER IMPULSIONADO POR DIRETRIZES GOVERNAMENTAIS CLARAS, OBJETIVOS DE LONGO PRAZO, POLÍTICA SETORIAL CONSISTENTE E MARCO REGULATÓRIO OBJETIVO, QUE DÊEM SINAIS DE FUTURO, DE CONFIANÇA, DE CERTEZA AO INVESTIDOR, AOS OPERADORES, AOS FORNECEDORES DE EQUIPAMENTOS, AOS PRESTADORES DE SERVIÇO, AOS TRABALHADORES E AOS CONSUMIDORES FINAIS DE ENERGIA.

ISTO QUEM DÁ, GOSTEM ALGUNS OU NÃO, É O GOVERNO. E NO BRASIL, PRINCIPALMENTE A SEARA FEDERAL. É ELA QUEM TEM QUE SER PROATIVA E TER VISÃO DE FUTURO – NÃO DE UM PIGMALIÃO QUE JÁ PROFESSA DE INÍCIO QUE OS OBJETIVOS A ATINGIR SÃO DIFÍCEIS, DISTANTES OU DE MENOR PRIORIDADE. AOS GOVERNOS ESTADUAIS CABE POR SUA VEZ, COMO TODOS ESTAMOS FAZENDO, O PAPEL DE ORGANIZAR, MOBILIZAR E IMPLEMENTAR INICIATIVAS LOCAIS – UM PAPEL CADA VEZ MAIS IMPORTANTE E ATÉ CRUCIAL – COMO FICA CLARO DE EXPERIENCIAS ADOTADAS EM OUTROS PAÍSES QUE VAMOS CONHECER AMANHÃ, EM PAINEL ESPECIAL PARA ISSO, COM A PRESENÇA DOS NOSSOS PARCEIROS DO GOVERNO DE NAVARRA, ENTRE OUTROS.

Portanto ESTA É, SEM NENHUM MOTIVO PARA TIMIDEZ OU PRECONCEITO, UMA REUNIÃO POLÍTICA SOBRE ENERGIA EÓLICA. UMA REUNIÃO DE LÍDERES DE GOVERNOS. UMA REUNIÃO DE GENTE QUE, AO SE FAZER PRESENTE E PROATIVO AQUI HOJE, DÁ UM SONORO SIM PARA ESTA FONTE RENOVÁVEL E PARA O FUTURO SUSTENTÁVEL DO BRASIL. É PRECISO ACORDAR DOS MEROS E BUCÓLICOS DISCURSOS SOBRE ENERGIA EÓLICA, SAIR DOS PESSIMISMOS E LISTAGENS DE DIFICULDADES OU ALEGADAS INVIABILIDADES. PARA ENFRENTAR A REALIDADE PATENTE EM TODAS AS PRINCIPAIS ECONOMIAS ENERGIA-INTENSIVAS DO MUNDO – DE QUE A ENERGIA EÓLICA É UMA DAS PRINCIPAIS BASES DO SETOR ENERGÉTICO DO FUTURO.

VAMOS FAZER ISSO AQUI - HOJE E AMANHÃ.

VAMOS ASSINAR AGORA UM CONSENSO DE ACOMPANHAMENTO INTEGRADO DO SETOR – A CARTA DOS VENTOS - E VAMOS COMEÇAR HOJE A CORRIGIR E APRIMORAR DIRETRIZES, OBJETIVAR MEDIDAS E IMPLEMENTAR POLÍTICAS PÚBLICAS EFETIVAS QUE LEVEM O BRASIL AINDA MAIS ADIANTE NA DIREÇÃO CERTA, DE UMA MATRIZ ENERGÉTICA LIMPA, SUSTENTÁVEL E EFICIENTE.

OBRIGADO, E BOAS VINDAS A TODOS."

Jean-Paul Prates – Secretário de Energia e Assuntos Internacionais do Governo do Estado do Rio Grande do Norte.

Nenhum comentário:

.