titulo

SustentHabilidade

Opinião e realizações

quarta-feira, 18 de março de 2009

Governo federal atende pleito do RN e anuncia calendário anual de leilão das eólicas

O governo federal atendeu ao pleito do Rio Grande do Norte e vai lançar calendário anual de leilões para implantação de usinas eólicas. A informação foi divulgada ontem pela governadora Wilma de Faria, após audiência com o ministro interino das Minas e Energia, Sérgio Zimmermann, em Brasília. Durante o encontr, ela também reivindicou que o próximo leilão das eólicas aconteça no início do segundo semestre, evitando novos adiamentos prejudiciais ao Rio Grande do Norte.


Durante o Fórum dos Secretários Nacionais de Energia, que também acontece em Brasília, o ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, que se reuniu com Sérgio Zimmermann minutos antes do encontro com a governadora, confirmou o calendário anual de leilão das eólicas. A medida, defendida pelo Rio Grande do Norte, dará segurança aos investidores e permitirá a atração de fábricas de equipamentos como torres e turbinas para o Brasil.

“Argumentamos para o ministro interino que o leilão deve acontecer, no máximo, em agosto, uma vez que novos adiamentos podem representar a fuga de investidores”, destaca a governadora. Outra boa notícia é que o Rio Grande do Norte conseguiu atrair um dos maiores eventos do setor energético brasileiro: o Seminário Nacional de Energia Eólica do Fórum Nacional de Secretários de Energia. O evento vai reunir ministros, representantes do setor energético e empresários entre os dias 5 e 8 de maio, em Natal. “Este foi um dia extremamente produtivo para o RN na área de energia eólica”, comenta o secretário estadual de Energia e Assuntos Internacionais, Jean-Paul Prates.

AGENDA - Na manhã de hoje (18) a governadora tem confirmadas audiências com os ministros da Justiça e da Defesa, Tarso Genro, para tratar dos recursos do Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci). O programa foi implantado desde o ano passado no Rio Grande do Norte e prevê investimento de R$ 1,35 bilhão para enfrentar a criminalidade no Brasil. Os principais projetos do Pronasci são voltados à reestruturação do sistema penitenciário, valorização dos profissionais de segurança pública e combate à corrupção policial. Ainda pela manhã, a governadora terá encontro com a presidente da Infraero, Solange Vieira, para tratar a respeito do Aeroporto Internacional de São Gonçalo do Amarante e também com o Ministro das Cidades, Márcio Fortes.

As outras audiências desta quarta-feira serão realizadas no período vespertino. Com o Ministro da Defesa, Nelson Jobim, Wilma de Faria reforçará o assunto do Aeroporto de São Gonçalo. E às 17h, a governadora terá audiência com o Ministro da Saúde Pública, José Gomes Temporão. Acompanharam a governadora nas audiências de ontem, os secretários de Comunicação Social, Rubens Lemos Filho, de Planejamento, Vagner Araújo e Energia e Assuntos Internacionais, Jean-Paul Prates.

Um comentário:

Bel disse...

Segue um link interessante sobre o assunto (energia eólica) no mundo.
Link: http://www.renewableenergyjobs.com/wind_energy_can_create_jobs/

.