titulo

SustentHabilidade

Opinião e realizações

segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

Em menos de 24 hs, principais investidores já cadastraram seus empreendimentos eólicos no Estado.


A Secretaria de Energia e Assuntos Internacionais do Estado realizou esta manhã, com a presença da Governadora Wilma de Faria, Secretários de Estado da Área Econômica e representantes dos empreendedores em energia atuantes ou interessados no Estado, o lançamento do Cadastro Estadual de Energia Eólica que irá congregar todas as informações técnicas, econômicas e institucionais a respeito dos projetos eólicos a se instalar no Estado. 


Desde a sexta-feira passada, quando foram emitidos convites e releases a respeito do assunto, 4 cadastros já foram realizados: pela Petrobras e pela Iberdrola/Enerbrasil - quanto aos seus respectivos parques já em operação - e dos grupos Gehr-Centripetal Dynamics (Brasil-EUA) e Pacific Hydro (Austrália). 

Durante a cerimônia, o Secretário de Energia Jean-Paul Prates comentou que além dos parques já em operação - Soledade (Macau) e Rio do Fogo – outros 1000 MW em capacidade instalada projetada deverão resultar do cadastramento dos projetos nas próximas 3 semanas.

O Secretário informou, em primeira mão, que a empresa Pacific Hydro confirmou a aprovação, na sua sede na Austrália, o investimento de pelo menos R$750MM na instalação de parques eólicos no RN com capacidade total de 150MW. 

 O diretor da empresa no Estado, Mauricio Vieira, esteve presente à solenidade e confirmou que os  Projetos Paraiso Azul e Paraíso Farol já foram cadastrados no domingo e já fazem parte do Business Plan 2009-2011.

O Secretário revelou também que vem trabalhando intensamente com a Diretora de Gás e Energia da Petrobras, Graça Foster e com a equipe técnica do Gerente  Executivo de Operações e Participações em Energia, José Alcides Santoro Martins, para que a empresa implante no Rio Grande do Norte o seu parque eólico de grande porte – cerca de 240MW. Os estudos técnico-econômicos estão a pleno vapor e a decisão deve resultar num Termo de Compromisso que a diretoria e o Governo do Estado deverão firmar em janeiro, envolvendo este e outros projetos nas áreas de gás e renováveis.  

O Grupo Gehr – CentripetalDynamics também acenou com investimentos e projetos no RN. O consórcio, de capital brasileiro e norte-americano, confirmou o interesse na instalação de 150MW iniciais ainda ao longo de 2009-2010, representando outros R$750MM no período. O diretor da empresa no Brasil, Frederico Rodrigues dos Santos, declarou: “Temos certeza do pleno sucesso dessa iniciativa importante para a gestão eficiente dos empreendimentos eólicos a serem implantados nesse Estado, e reiteramos nosso compromisso de desenvolver projetos sustentáveis de geração de energia a partir de fontes renováveis, que contribuam para o conforto energético regional e para o desenvolvimento sócio-econômico do Rio Grande do Norte.”

A empresa Bioenergy, representada na solenidade por seu diretor local, Oscar Gundes, informou que irá cadastrar 11 projetos, sendo pelo menos a metade deles de curto-médio prazo, ou seja, entre 2009 e 2011. A totalidade do investimento deverá superar a casa de um bilhão de reais, somando apenas os três primeiros.

O grupo EBX/MPX (do empresário carioca Eike Batista) também apresentou manifestação de interesse para investir no Estado. Em visita há 2 semanas à Secretaria de Energia, os executivos do grupo disseram que estudam firmemente a implantação de pelo menos 2 parques eólicos no RN. Segundo o Gerente de Fontes Alternativas do grupo, Mauricio Moszkowicz,  estes projetos podem vir a totalizar 250MW, ou seja um investimento da ordem de 1 bilhão e meio de reais.

A diretora da Iberdrola Renováveis do Brasil, Laura Porto, enviou mensagem ao Secretário de Energia, que foi lida pelo cerimonial: “Sabedor que o Estado do Rio Grande do Norte tem excelente recurso eólico e um Governo que apóia com pró-atividade e seriedade o desenvolvimento da fonte eólica neste Estado, a Iberdrola Renováveis parabeniza a iniciativa do lançamento do cadastro eólico e deseja que os bons ventos tragam um ano promissor e repleto de investimentos sustentáveis no Rio Grande do Norte.” 

Ver clipping - reportagem TV Ponta Negra - Jornal do Dia. 

Nenhum comentário:

.